Sobre uma campanha de mau gosto, Paralimpíadas e representatividade

Muito se fala sobre representatividade atualmente, mas esse termo muitas vezes é levado como algo de esquerda, feminista, pão com mortadela ou sei lá mais o que costumam falar por aí, então muita gente simplesmente ignora, sem refletir sobre o que isso significa.

Representatividade é o que faltou na peça publicitária feita para uma certa revista por uma certa agência. Os Jogos Paralímpicos estão aí e de todas as formas possíveis para homenagear um momento tão importante para o esporte, para os atletas e para o país, essa foi a escolhida: uma montagem com o rosto de famosos no corpo de atletas paralímpicos. Gente. G E N T E. Sério. Sério?

Reaction GIF: eye roll, are you kidding me?, despair, Krysten Ritter, Don't Trust the B---- in Apartment 23

O que me confortou um pouco foi ver a repercussão negativa que isso gerou nas redes sociais e o quão pasmas as pessoas estão por ter visto algo de tamanho mau gosto (mas agora imagina se as pessoas descobrissem que isso acontece com negros, gordos o tempo todo… imagine all the ‘pipou’?). Com tantos atletas, atores, modelos portadores de deficiências, a única opção realmente era o rosto de gente famosa? Por que? Por que é mais rentável? Por que é mais “bonito”? Por que é o padrão? Juro que isso até pode ser explicável, mas nunca vai fazer sentido na minha cabeça. Não preciso nem falar sobre a decepção que tive ao ver uma atriz que eu gosto tanto se submetendo a isso. Rolou uma mancada geral em todos os aspectos possíveis disso. Acho que a pessoa que aprovou a campanha não deve estar muito feliz no momento.

Espero que isso abra os olhos das pessoas para o que a representatividade realmente significa e o quão importante é. Espero que as pessoas entendam que essa sensação é a mesma que uma criança negra tem quando não vê nas prateleiras de uma loja um boneco(a) que a represente, a mesma sensação que uma pessoa gorda tem por viver em um mundo cheio de padrões estéticos e a mesma sensação que um/uma LGBT tem quando só vê que campanhas hétero no dia dos namorados/pais/mães. Espero que vejam que não é legal, não é bonito, não é vendável e que REPRESENTATIVADE IMPORTA SIM.

Não vou e nem sou obrigada a colocar aquela imagem no meu blog. Quem quiser ver a  peça e a matéria, pode clicar NESSE LINK ou em qualquer um dos 634541374 links que eu tenho certeza que estão rolando na sua timeline criticando isso tudo.

Seguem anexas mais imagens que definem meu atual estado de espírito:

Reaction GIF: eye roll, are you kidding me?, Daniel Radcliffe, Harry Potter

Resultado de imagem para rolling eyes gif

Resultado de imagem para rolling eyes gif

Reaction GIF: despair, eye roll, Robert Downey Jr.

Sobre #GIRLBOSS, inspiração e acreditar em si mesma (além de 67 lições que aprendi com o livro)

Oi!

Esse post é muito especial pra mim… Sabe por que? Porque esse livro foi um dos mais inspiradores que já li na vida e eu preciso dividir isso com você.

FullSizeRender

DESCRIÇÃO DO LIVRO

Sophia Amoruso passou a adolescência viajando de carona, furtando em lojas e revirando caçambas de lixo. Aos 22 anos ela havia se conformado em ter um emprego, mas ainda estava sem grana, sem rumo e fazendo um trabalho medíocre que assumiu por causa do seguro-saúde. Foi aí que Sophia decidiu começar a vender roupas de brechó no eBay. Oito anos depois, ela é a fundadora, CEO e diretora criativa da Nasty Gal, uma loja virtual de mais de 100 milhões de dólares, com mais de 350 funcionários. Além da história de Sophia, o livro cobre vários outros assuntos e prova que ser bem-sucedido não tem nada a ver com a sua popularidade; o sucesso tem mais a ver com confiar nos seus instintos e seguir a sua intuição. Uma história inspiradora para qualquer pessoa em busca do seu próprio caminho para o sucesso.

O QUE ACHEI

3

Gente. G E N T E. G-E-N-T-E. Esse livro é sensacional. Dá vontade de comprar umas roupas em um brechó e vender numa loja virtual como se não houvesse amanhã. Dá vontade de ser a melhor versão de si pra sempre. Ele cutuca aquela parte que você nem sabia mais que existia, aquela enorme sede de sucesso que todo mundo tem e te provoca a tentar dar o seu melhor em todas as áreas possíveis da sua vida. Confesso que ele me deu borboletas no estômago cada vez que eu pensei em tudo o que eu posso ser e tudo o que eu posso fazer com essa energia concentrada em mim. Na minha opinião, #GirlBoss é uma leitura obrigatória para toda mulher. Não serve apenas para aquelas que querem empreender, e sim para todas, pois ele não é um livro que fala sobre como construir uma empresa, mas um livro que fala sobre acreditar em si mesma.

AS MELHORES LIÇÕES QUE TIREI DE #GIRLBOSS

Aqui estão os ensinamentos que tirei desse livro maravilhosamente maravilhoso. Alguns estão escritos exatamente como no livro, outros eu adaptei, mas nenhum é de minha autoria, é tudo made by #GirlBoss.

1

  1. Nunca vire gente grande. Não vire uma pessoa chata. Nunca deixe o sistema te dominar.
  2. É preciso trabalhar muito para chegar lá.
  3. Seja responsável pela SUA vida.
  4. Valorize mais a honestidade que a perfeição.
  5. Pergunte, leve a vida a sério (mas não a sério demais). Domine o mundo e o modifique.
  6. Questione tudo.
  7. Seja seu próprio ídolo.
  8. Abandone qualquer coisa da sua vida e dos seus hábitos que possa estar prendendo você.
  9. A melhor forma de honrar o passado e o futuro dos direitos das mulheres é botando a mão na massa. Em vez de ficar sentada, falando sobre como me importo, vou arrebentar e provar.
  10. Quando você acredita em você mesmo, as outras pessoas também acreditam em você.
  11. Responda comentários como se as pessoas fossem suas amigas.
  12. Quando você acredita que o que está fazendo terá resultados positivos, terá – mesmo que não seja imediatamente óbvio.
  13. Não foque em haters.
  14. Queira #GirlBosses por perto.
  15. Aprendizado se dá por tentativa e erro
  16. Existem oportunidades secretas escondidas dentro de cada fracasso.
  17. Até os empregos mais sofríveis te ensinam. Você tem que tolerar alguma merda que não gosta – pelo menos por algum tempo. Você vai dar muito mais valor a uma carreira incrível quando se lembrar dos empregos não tão incríveis do passado, e, melhor ainda, vai perceber que aprendeu alguma coisa com todos eles.
  18. O tédio não é o estado natural de uma #GirlBoss.
  19. É impossível ser bem sucedida fazendo algo que você odeie.
  20. O sucesso verdadeiro está em saber quais são suas fraquezas e agir de acordo com seus pontos fortes.4
  21. Descubra em que você é boa e encontre um lugar onde possa crescer.
  22. O caminho reto e estreito não é o único para se chegar ao sucesso.
  23. A vida não está escrita, é como um grande experimento.
  24. Comemore quando houver algo para comemorar, tenha orgulho do que você faz.
  25. Não faça trabalhos desleixados.
  26. Seja a melhor.
  27. Tenha algo original e especial para oferecer que torne a vida das pessoas melhor.
  28. Quando você cuida das coisas pequenas, ficará satisfeito em ver que as coisas grandes costumam acontecer com muito mais facilidade.
  29. Não aumente seus gastos quando a sua renda aumenta.
  30. Trate sua mente como trata seu dinheiro: NÃO DESPERDICE.
  31. O destino favorece os audaciosos que põem a mão na massa.
  32. Você não pode convencer uma pessoa de que você é incrível e fantástica se você mesma não achar que é.
  33. Você precisa ter a intenção de realizar seus sonhos, mas também tem que deixar espaço para que o universo faça as coisas à maneira dele. Não fique focada demais numa única oportunidade específica a ponto de ficar cego para outras que apareçam.
  34. Se você lidar com tudo na sua vida com certo grau de intenção, você pode afetar o resultado final.
  35. Você tem que expulsar as pessoas da sua mente do mesmo jeito que expulsaria alguém da sua casa se não quisesse que a pessoa estivesse lá.
  36. Mergulhe de cabeça mas coisas sem se apegar demais aos resultados. Quando o seu objetivo é adquirir experiência, perspectiva e conhecimento, o fracasso não é mais uma possibilidade. O fracasso é uma invenção sua.
  37. Quem dá ouvidos ao resto do mundo é quem fracassa, e quem tem autoconfiança suficiente para definir o que é sucesso e o que é fracasso para si mesma é quem tem sucesso.
  38. Sucesso e fracasso servem a um mundo preto e branco. Tudo é meio cinza.
  39. Não importa onde você está na vida, você vai poupar muito tempo ao não se preocupar demais com o que os outros pensam de você. Quanto mais cedo na vida puder aprender isso, mais fácil será o resto que virá depois. Você é quem você é, então acostume-se com isso.
  40. Seja você mesmo; todas as outras personalidades já tem dono.2
  41. Foque nas coisas positivas da sua vida e você vai ficar chocada com quantas novas coisas positivas começarão a acontecer. Mas antes de começar a achar que você simplesmente teve sorte, lembre-se que é “mágica”, e que foi você quem fez.
  42. Você pode acabar ignorando e até perdendo as coisas positivas da sua vida quando se foca demais nas negativas. É exaustivo demais e uma perda de tempo.
  43. Não é legal se embriagar com o seu próprio sucesso.
  44. “Acho que se você tiver um ponto de vista singular e se mantiver relevante e autêntica, deixará uma boa impressão. Você tem que ser apaixonada e vibrante em relação às próprias ideias para fazer com que deem certo. É provável que sejam necessárias vinte ideias boas para que uma vingue e tenha chances de se tornar real, mas uma boa ideia só é boa se houver um plano bem elaborado para transformá-la em realidade.” (Norma Kamali)
  45. “A coisa mais importante a se fazer é correr riscos. Os riscos são o espaço em que os avanços importantes acontecem, e grandes mudanças levam você a novos lugares e criam oportunidades. Eles podem intimidar muito, mas isso significa que estão tirando você da sua zona de conforto.” (Norma Kamali)
  46. “Quando a aposta é alta, às vezes você tem que pular mesmo, berrando durante todo o trajeto. Não sei se existe sentimento melhor que provar que você é sua melhor defensora.” (Christiene Barberich)
  47. “Identifique qual é o seu sonho. Depois, ponha toda sua energia nisso: no seu trabalho, nas relações das quais você se cerca, na comida que põe no corpo. Tudo o que você controla no seu mundo deve alimentar esse sonho e fazer com que você se sinta como uma #GirlBoss.” (Christiene Barberich)
  48. “Existem dois tipos de pessoas – as que se arriscam e as que não. Se você é uma pessoa que corre riscos, tem que se sentir à vontade em saber que pode fracassar. Você tem que ter confiança e convicção suficientes para seguir com toda força mesmo se as coisas não derem certo. Para nós, que corremos riscos, é algo inerente ao trabalho. Se falharmos, levantamos e tentamos de novo. Simplesmente fazer é recompensa suficiente.” (Jenné Lombardo)
  49. “Crie o seu próprio trabalho. Torne-se mestre no que você faz. Fique totalmente imersa na sua cultura. Seja humilde: quando necessário, você também precisa ajudar a empacotar encomendas. Nunca se esqueça de onde veio. E seja sempre educada. A boa e velha educação pode te levar muito longe.” (Jenné Lombardo)
  50. Se você estiver sonhando grande, não desanime se tiver que começar pequeno.5
  51. “Ninguém jamais poderá amá-la se você não amar a si mesma. O bonito disso é que, se você se amar o suficiente, você não precisará da confirmação de nenhuma outra pessoa.” (Leandra Medine)
  52. Ter um estilo próprio tem muito mais a ver com a sua atitude do que com aquilo que você está usando.
  53. Se você não está confiante, nenhum vestido, não importa o quão maravilhoso seja, resolverá esse problema para você.
  54. Não importa quais sejam os seus sonhos, se você escutar só aqueles que estão à sua volta, as chances de seus sonhos se tornarem realidade são muito pequenas. O mundo adora lhe dizer como as coisas são difíceis e o mundo não está exagerando. E isso é um saco mesmo. Mas, aqui vai a real: você não pode ter tudo e nada vem fácil. Você vai fazer sacrifícios e abrir mão de certas coisas, vai se decepcionar e decepcionar outras pessoas, falhar e começar de novo, fazer algumas sofrerem e esbravejar com outras e aprender a retomar e continuar quando alguém fizer você sofrer. Mas difícil não significa impossível, e das trocentas coisas do universo que você não pode controlar, o que você pode controlar é com que insistência vai tentar e se, ou quando, vai encerrar a questão.
  55. Quando a vida a atingir com algo inesperado, você tem que estar preparada para atingi-la também – e deixar o seu próprio borrão no processo.
  56. Nunca perca o seu apetite para ir atrás de novas ideias, novas experiências e novas aventuras.
  57. Compita consigo mesma, não com os outros.
  58. Julgue a si mesma com base no que você tem de melhor e você realizará mais do que jamais poderia ter sonhado.
  59. A vida não para pra ninguém, então prossiga. Fique acordada e viva.
  60. Não existe corretor automático na vida – pense antes de enviar mensagens ao universo.
  61. Quebrar as regras só por diversão é fácil demais – o verdadeiro desafio está em aperfeiçoar a arte de saber que regras aceitar e quais reescrever.
  62. Quanto mais você experimentar, enfrentar riscos e errar, mais poderá se conhecer, mais poderá conhecer o mundo, e mais focada estará.
  63. Uma vez que tiver sucesso, não pare. Não é uma questão de ser insaciável, mas de não se acomodar.
  64. Olhe pra cima, olhe ao redor, e se não encontrar algo inspirador, provavelmente não está olhando com toda a atenção. Lembre-se, eu toquei em cada peça de roupa daqueles brechós. Você tem que fazer isso com a sua vida.
  65. Se você começar a escutar, vai descobrir que a sua intuição sempre sabe o que está acontecendo.
  66. As mulheres fodonas estão conquistando o mundo. Dar um duro danado não é mais para as inibidas. Nós chegamos e estamos arrebentando.
  67. Existe uma chance para você, #GirlBoss. Aproveite.

Até logo (: xx

5 itens que eu salvaria se meu quarto estivesse pegando fogo

Oi!

Essa tag é mais conhecida como “o que eu salvaria se minha CASA pegasse fogo”, mas eu preferi adaptar para o lugar em que eu passo a maior parte do tempo quando estou em casa.

Eis os 5 itens que eu salvaria se essa huge merda acontecesse:

  1. Notebook: o que seria de mim sem meu bebê? O aparelhinho que salva minha vida, acaba com meu tédio e me conecta ao mundo?
  2. Iron Man: quem me deu essa action figure foi meu amigo Gustavo. Eu gosto muito do Iron Man e, ainda por cima, foi um presente. Como eu poderia deixar queimar?
  3. Canon 600D: essa chega a ser óbvia. Dispensa explicações. Meu bebê 2.

 

img_2657

 

  • Saga Harry Potter: quem me conhece sabe o quanto sou louca por HP. Comprei esses livros em uma promoção de uma loja física da Americanas super por acaso, R$ 10 cada, mas meu amor por esses livrinhos é inestimável. Nem a pau que eu deixaria pra trás.
  • Mochila: tenho mil e um motivos para levar minha mochila. 1: olha essa cor. 2: carrego as coisas que mais uso nela. 3: olha essa cor. 4: Poderia socar nela todos os itens acima, inclusive meus DVDs do Harry Potter que meu amô❤ me deu (olha eu roubando e colocando um item bônus, hehe). 5: O L H A E S S A C O R.❤

Essas são minhas coisinhas amadas eu não poderia deixar pra trás.

E você, o que salvaria do seu quarto?

 

Até logo (: xx